sexta-feira, 15 de março de 2013

Marlene Dietrich, Amália Rodrigues e Tinker Bell no Cineclube Araucária

De 22 a 24 de março o Cineclube Araucária traz a  Campos do Jordão filmes sobre a vida de Marlene Dietrich e Amália Rodrigues e, para a criançada, as aventuras de Tinker Bell.
Marlene Dietrich  nasceu em 27 de dezembro de 1901 em Schöneberg, um distrito de Berlim, Alemanha. Fez escola de artes cênicas e participou de filmes mudos até 1930. Em 1921, casou-se com o assistente de direção Rudolf Sieber, e teve uma única filha, Maria, nascida em 1924.
Estreou no teatro aos vinte e três anos de idade, fazendo cinco anos de carreira apagada até ser descoberta pelo diretor austríaco Josef von Sternberg, que a convidou para protagonizar o filme Der Blaue Engel (1930), lançado no Brasil como O Anjo Azul, e baseado no romance de Heinrich Mann, Professor Unrat. Foi o primeiro dos sete filmes nos quais Marlene Dietrich e o diretor Josef von Sternberg trabalharam juntos. Os demais foram Marrocos (1930), Desonrada (1931), O Expresso de Shangai (1932), A Vênus Loira (1932), A Imperatriz Galante (1934) e Mulher Satânica (1935). Depois de trabalhar com von Sternberg, ela foi para Hollywood, onde trabalhou em filmes mais profundos e mais marcantes.
Foi convidada por Hitler para protagonizar filmes pró-nazistas, mas ela recusou o convite e se tornou cidadã estadunidense, o que Hitler tomou como um desrespeito para a pátria alemã, e chamou Dietrich de traidora.
Durante a Segunda Guerra Mundial, Marlene foi ao encontro das tropas aliadas, onde cantava para divertir e aliviar a dor dos soldados. Condecorada com medalha após a guerra, Marlene descobriu um dom que poderia explorar: sua voz. Assim ela começou a cantar além de atuar. A partir de 1951, começa a se apresentar em espetáculos em Las Vegas, no Sahara Hotel.
Em 2001, foi realizado um filme biográfico MARLENE – O MITO, A VIDA, O FILME, dirigido pelo seu neto Joseph Vilsmaier - apresentado pelo Cineclube Araucária no dia 22/03 às 19h30 - e com comentários de várias pessoas que conviveram com Dietrich, como sua filha Maria Riva, seu sobrinho, Hildegard Knef, Burt Bacharach, o filho de von Sternberg, entre outros.
Amália Rodrigues, nasceu em Lisboa  em 23 de Julho de 1920, foi uma fadista, cantora e atriz portuguesa, considerada o exemplo máximo do fado, comummente aclamada como a voz de Portugal e uma das mais brilhantes cantoras do século XX. Está sepultada no Panteão Nacional, entre os portugueses ilustres.

Tornou-se conhecida mundialmente como a Rainha do Fado e, por consequência, devido ao simbolismo que este gênero musical tem na cultura portuguesa, foi considerada por muitos como uma das suas melhores embaixadoras no mundo. Aparecia em vários programas de televisão pelo mundo afora, onde não só cantava fados e outras músicas de tradição popular portuguesa, como ainda canções contemporâneas (iniciando o chamado fado-canção) e mesmo alguma música de origem estrangeira (francesa, americana, espanhola, italiana, brasileira). Teve uma marcante contribuição para a história do Fado, cantando poemas de grandes autores portugueses consagrados, depois de musicados. Teve ainda a serviço de sua voz a "pena" de alguns dos maiores poetas e letristas, seus contemporâneos como David Mourão Ferreira, Pedro Homem de Mello, Ary dos Santos, Manuel Alegre, Alexandre O’Neill. O Cineclube Araucária exibe no dia 23/03 às 19h30,o filme AMÁLIA, A DIVA DO FADO.


Tinker Bell, mais conhecida no Brasil como Sininho é uma personagem fictícia na obra e no livro de James Matthew Barrie. É uma fada travessa, mas leal acompanhante de Peter Pan.

No filme TINKER BELL E O TESOURO PERDIDO, exibido pelo Cineclube Araucária no dia 24/03 às 15h, Tinker Bell sairá em uma aventura bem longe do Refúgio das Fadas. É outono, e a fadinha tem uma missão bem especial: Criar um tesouro capaz rejuvenescer a árvore do pó mágico, ou a árvore Pixie Dust, e para isso ela vai contar com a ajuda de Terrence. Só que o temperamento de Tinker Bell faz com que ela arruine as coisas e sua amizade com Terrence. Para consertar tudo, e tirar o Refúgio das Fadas do perigo que corre, ela terá que ir até o Norte da Terra do Nunca. Nessa jornada, ela irá descobrir o maior tesouro de todos: O verdadeiro valor da amizade.
Esperamos vocês para mais um fim de semana de filmes no Cineclube Araucária!


Nenhum comentário:

Postar um comentário