terça-feira, 5 de maio de 2015

CINEMA PORTUGUÊS EM MAIO NA SÉRIE CINE GARAGEM

Neste sábado, dia 9 de maio, às 19h30 teremos mais uma sessão de cinema na sede da Associação dos Amigos de Campos do Jordão - AMECampos. Esta série, já conhecida como Cine Garagem, acontece em consonância com o calendário turístico oficial da cidade. Neste mês de maio Campos do Jordão se prepara para receber a temporada de inverno com o Festival da Lã. Esta foi a razão para a escolha de LANIFÍCIOS.DOC, longa realizado pelo cineasta português Luís Silva, a quem cabe aqui agradecimento muito especial por ceder este seu trabalho para conhecimento dos jordanenses. O filme tem como foco a produção da indústria dos lanifícios que teve um grande peso no desenvolvimento da região da Serra da Estrela em Portugal, dos anos 50 aos 80. Hoje, são poucas as fábricas operando naquela região. As razões do declínio são apontadas no documentário que vamos assistir. Qualquer semelhança com o destino dessa atividade econômica na nossa região da Mantiqueira não poderá ser vista como mera coincidência. Todos são convidados, portanto, a participar desse momento de reflexão que LANIFÍCIOS.DOC certamente nos proporcionará.
A AMECampos fica na Rua Dr. Reid nº 68 - Abernéssia - Campos do Jordão - tel (12) 3662.2611
 
 
Por conta da exibição do documentário LANIFÍCIOS.DOC, de Luís Silva, Campos do Jordão já é notícia na imprensa da região da Serra da Estrela em Portugal. Mais um motivo de orgulho para todos os jordanenses, proporcionado por esta iniciativa do Cineclube Araucária em parceria com a Associação dos Amigos de Campos do Jordão - AMECampos.
 

 
 

domingo, 26 de abril de 2015

CINECLUBE PROMOVE OFICINAS PROFISSIONALIZANTES DE CINEMA EM CAMPOS DO JORDÃO

Estão abertas as inscrições para as Oficinas Profissionalizantes de Cinema previstas no Projeto Cineclube Araucária - O Poder do Cinema em Campos do Jordão, realizado com o apoio do Programa de Ação Cultural da Secretaria de Cultura do estado de São Paulo - PROAC. As Oficinas são gratuitas, destinadas a todo tipo de público interessado e acontecerão na Escola Estadual de Vila Albertina em Campos do Jordão (SP), nos seguintes períodos: de 4 a 8 de maio e de 10 a 14 de agosto de 2015 e serão ministradas pelos professores, diretores de cinemas, roteiristas Dimas Oliveira Junior e Wagner Sampaio. Mais detalhes no formulário de inscrição abaixo. Os interessados deverão imprimir, preencher e assinar esse formulário e encaminhá-lo devidamente preenchido e assinado ao seguinte endereço eletrônico:contato@cineclubearaucaria.org ou entregá-lo pessoalmente no Espaço Cultural Dr. Além (antigo Cine Glória de Campos do Jordão), em horário comercial, até o dia 30 deste mês de abril.
O Cinema pode ser uma ótima opção de trabalho, basta dar o primeiro passo nesse sentido. Pense nisso e participe. Bons conhecimentos a todos!!!


segunda-feira, 6 de abril de 2015

CINECLUBE ARAUCÁRIA INAUGURA A PRIMEIRA BIBLIOTECA DE CINEMA DE CAMPOS DO JORDÃO


No dia 16 de abril, às 19h00, com o apoio do ProAC e em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, a Associação dos Amigos de Campos do Jordão - AMECampos, a Oficina de Artes Rosina Pagan, a Escola Estadual de Vila Albertina e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Campus Campos do Jordão, o Cineclube Araucária inaugurará, no primeiro andar o Espaço Cultural Dr. Além a primeira Biblioteca especializada em Cinema de Campos do Jordão. Na ocasião, no mesmo local, também será aberto ao público o Memorial Cine Glória. Na sequência, na sala de cinema do antigo Cine Glória (atual Espaço Cultural Dr. Além) acontecerá a primeira sessão da Mostra Animações Sem Fronteiras com a exibição do longa As Bicicletas de Belleville, de Sylvain Chomet, inaugurando também a nova tela de cinema doada pelo Cineclube Araucária para o Espaço Cultural. Você, que como nós acredita no Cinema como um meio de transformação, é nosso convidado especial. 

terça-feira, 31 de março de 2015

CINECLUBE ARAUCÁRIA E AMECAMPOS CELEBRAM A GASTRONOMIA NA NOITE DA ALELUIA


Nesta semana tem sessão de cinema na AMECampos. Em consonância com o calendário oficial de turismo da cidade que em abril propõe a gastronomia como tema, o programa Cine Garagem, resultado da parceria do Cineclube Araucária com a Associação dos Amigos de Campos do Jordão, exibe no próximo sábado às 19h30, na sede da AMECampos, o longa O Tempero da Vida, de Tassos Boulemetis, livre para todas as idades e com entrada franca. Um ótimo programa para quem vive na região da Mantiqueira e também para aqueles que resolverem subir a serra para reviver o milagre da Páscoa sob o céu mais bonito e o clima mais agradável do Brasil. Informações: (12) 3662.2611.






















segunda-feira, 16 de março de 2015

OS PIONEIROS DA SÉTIMA ARTE EM DESTAQUE NO MÊS DE MARÇO

Na seqüência da programação indicada no projeto Cineclube Araucária - O Poder do Cinema em Campos do Jordão, a ser realizado ao longo de 2015 em Campos do Jordão, com recursos do Programa de Ação Cultural - ProAC - da Secretaria de Estado da Cultura, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, a Associação de Amigos de Campos do Jordão - AMECampos, a Oficina de Artes Rosina Pagan e a Escola Estadual de Vila Albertina, o Cineclube Araucária traz para a tela do Espaço Cultural Dr. Além neste mês de março uma história Mostra cujo foco são as primeiras investidas dos pioneiros da Sétima Arte na França, nos Estados Unidos e no Brasil. Trata-se da segunda Mostra elencada no projeto financiado através do Edital 22/2014 do ProAC que tem por objetivo o desenvolvimento de ações de fomento na área da difusão e produção audiovisual no estado de São Paulo. Para os realizadores do projeto, esta Mostra se dirige a todos os interessados em entender o processo de criação e realização dos primeiros registros de imagens em movimento e a utilização dessa descoberta no desenvolvimento de uma nova arte de contar histórias e registrar acontecimentos. A Mostra Pioneiros do Cinema acontece de 19 a 22 de março no Espaço Cultural Dr. Além, situado na Av. Januário Miráglia, 1582 - Abernéssia, de acordo com a seguinte programação:





19/03 – 19h30 – PRIMEIRA SESSÃO DE CINEMA: OS IRMÃOS LUMIÈRE & GEROGES MÉLIÈS
França – 1894 / 1906 – Livre

Se os irmãos Louis e Auguste Lumière levam o crédito de pais do cinema, Georges Méliès é reconhecido como o pai dos efeitos especiais. Contemporâneos, eles tinham visões diferentes do cinematógrafo. Os primeiros registros de imagem em movimento realizados pelos irmãos Lumière são o que hoje poderíamos chamar de documentários: a captação dos fatos no momento em que ocorrem. Embora se diga que eles defendiam o uso do cinematógrafo apenas para fins científicos, a primeira sessão de cinema no Grand Café em Paris no dia 28 de dezembro de 1895 já atestava a sua finalidade como forma de entretenimento. A partir daquele momento, o cinema viria a ter pelo menos duas finalidades: ciência e arte. Se os irmãos Lumière já haviam se encarregado da primeira, é a George Méliès que devemos a propagação da segunda. Presente na primeira exibição do cinematógrafo, Méliès daria outros fins à invenção. Vindo do teatro, Méliès era um mágico que viu na câmera a possibilidade de construir sonhos jamais imaginados. Responsável por introduzir no cinema vários efeitos especiais básicos, foi o responsável pela criação dos gêneros fantasia, comédia e ficção científica na sétima arte. De fato a sua “Viagem à Lua” de 1902 é o primeiro filme de ficção científica da história do cinema.



20/03 – 19h30 – INTOLERÂNCIA, de D. W. Griffith
Estados Unidos – 1916 – 12 Anos
De acordo com a maioria dos críticos, David Wark Griffith foi o criador da moderna “linguagem cinematográfica”. Fundador da United Artists juntamente com Charles Chaplin e Mary Pickford, Griffith produziu e dirigiu mais de 300 filmes. Um deles é considerado o mais importante filme já produzidos em Hollywood. “Intolerância” é uma fantástica experiência na arte de contar histórias através do cinema, intercalando passagens de quatro histórias paralelas ocorridas em diferentes momentos da história da humanidade: a queda da Babilônia, a crucificação de Jesus, o massacre da noite de São Bartolomeu e as lutas modernas entre capital e trabalho. Tudo no filme é de uma grandiosidade raramente vista em mais de um século de cinema, desde a quantidade de figurantes até a suntuosidade de cenários e figurinos, sem contar as técnicas avançadas de iluminação e enquadramento das imagens. Uma oportunidade imperdível para todos os que se interessam pela história da produção cinematográfica universal.



21/03 – 19h30 – GANGA BRUTA, de Humberto Mauro
Brasil – 1933 – 14 Anos
Produzido por Adhemar Gonzaga para a recém criada Cinédia, Ganga Bruta de Humberto Mauro marca a passagem do cinema mudo para o cinema falado no Brasil.
Na noite de núpcias, homem descobre que sua mulher não era virgem e, enfurecido, a mata. Depois, enriquece e se apaixona por uma jovem do interior. O filme traça um retrato da vida brasileira nos anos de 1930, com sua violência urbana e repressão sexual. Por causa do tema polêmico, a crítica da época chegou não foi nem um pouco condescendente com o filme. Relegado ao esquecimento, foi recuperado em 1952 para a 1ª Retrospectiva do Cinema Brasileiro, que o consagraria como a obra-prima de Humberto Mauro. Anos depois, em sua Revisão Crítica do Cinema Brasileiro, Glauber Rocha o consideraria "um dos vinte maiores filmes de todos os tempos" e atribuiria a Humberto Mauro o título de "pai do cinema brasileiro".



22/03 – 15h00 – O SACI, de Rodolfo Nanni
Brasil – 1951 – Livre
A turma do Sítio do Picapau Amarelo vai para o mato à procura do Saci. Com este filme, Rodolfo Nanni ficou com o mérito de ter feito a primeira produção infantil importante do cinema brasileiro. Além disso, esta é a primeira adaptação para o cinema da obra de Monteiro Lobato, que, por sua vez, se inspirou na lenda do Saci-Pererê. O diretor teve uma excelente equipe para essa empreitada: fotografia de Ruy Santos, música de Cláudio Santoro e, o jovem Nelson Pereira dos Santos, como assistente de direção. 



sexta-feira, 6 de março de 2015

CINE GARAGEM RETOMA A PROGRAMAÇÃO PARA 2015 NA AMECAMPOS

O Cineclube Araucária em parceria com a AMECampos (Associação dos Amigos de Campos do Jordão) retoma a programação do projeto Cine Garagem que estréia no dia 7 de março de 2015 (sábado), às 19h30 na sede da AMECampos - Rua Dr. Reid, 68 - Abernéssia - com entrada franca.
Neste ano, o Cine Garagem apresenta uma seleção de filmes escolhidos pelo seu curador, Cervantes Sobrinho, em consonância com o calendário oficial de turismo da cidade. Em março o tema desse calendário é a aventura e o filme selecionado é A Vida Secreta de Walter Mitty, de Ben Stiller. Nele, Walter Mitty (Ben Stiller) é o responsável pelo departamento de arquivo e revelação de fotografias da tradicional revista Life. Ele é um homem tímido, levando uma vida simples, perdido em seus sonhos. Ao receber um pacote com negativos do importante fotógrafo Sean O'Connell (Sean Penn), ele percebe que está faltando uma foto. O problema é que trata-se justamente da foto escolhida para ser a capa da última edição da revista. É quando, Walter, com o apoio de Cheryl (Kristen Wiig)  e de sua mãe Edna (Shirley MacLaine) é obrigado a embarcar em uma verdadeira e bem humorada aventura.


Esta versão de 2013 é, na verdade uma refilmagem do original The Secret Life of Walter Mitty, de Norman McLeod, feito em 1947.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

MOSTRA DE CINEMA E DIREITOS HUMANOS ACONTECE EM CAMPOS DO JORDÃO

A Associação Cultural Cineclube Araucária de Campos do Jordão se inscreveu e foi selecionada para funcionar como um dos pontos de exibição dos filmes que integram a programação do Projeto Democratizando da 9ª Mostra de Cinema promovida pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.
As sessões, com entrada franca, acesso para portadores de dificuldades de locomoção e legendas especiais para pessoas com audição reduzida, acontecerão nos dias 2, 3 e 4 de março de 2015, sempre a partir das 19h30 no Espaço Cultural Dr. Além - Av. Dr. Januário Miráglia nº 1582 - Abernéssia. Todos os jordanenses são convidados a viver esse momento histórico na cidade, assistindo a verdadeiras obras primas da cinematografia brasileira e participando dos debates sobre o tema dos Direitos Humanos. Veja detalhes da programação no quadro abaixo.